COMPRE AGORA

quinta-feira, fevereiro 12, 2015

Check-up gratuito ocorre dia 28/2, em São Paulo

Grupo de empresários realiza o 2º Pit Stop dos Consultores Automotivos do Jornal Farol Alto, com check-up de 30 itens de segurança de carros e motocicletas. Ação ocorre no estacionamento do Telhanorte Zona Norte

Veículo em bom estado de funcionamento é questão de saúde pública e responsabilidade ambiental, pois os malefícios causados por um motor desregulado ou um freio defeituoso podem ser irreparáveis. Afinal, quanto vale uma vida?

Quem pensa assim não descuida da revisão veicular, pois já se conscientizou da importância da manutenção preventiva como forma mais inteligente de preservar a saúde, o meio ambiente e o próprio bolso. Isso mesmo, o bolso, uma vez que é mais econômico trocar as peças de desgaste natural no prazo determinado pelo fabricante do que esperar o carro ou motocicleta parar de funcionar.

Peças de desgaste natural são todos os componentes que sofrem deterioração com o uso, como pastilhas, discos e fluido de freios, pneus, filtros de ar, óleo, combustível e ar-condicionado, velas e cabos de ignição, amortecedores, correias de transmissão de força e acessórios, bateria, embreagem etc..

O princípio da manutenção preventiva é simples: trocar antes de quebrar. A economia ocorre pois normalmente, quando um componente se desgasta, compromete outro ainda em bom estado. Exemplo é a correia dentada, que se não trocada pode provocar danos internos ao motor e assim um serviço preventivo de R$ 800 pode custar o conserto de um motor inteiro, por R$ 3.000 ou mais. Outro exemplo são as pastilhas de freios, que se não substituídas no tempo previsto podem comprometer os discos de freios. Assim, um reparo de R$ 150 pode custar mais de R$ 1.000, dependendo do veículo.

Mais economia

Além disso, a manutenção preventiva permite programar a parada do veículo, evitando assim as inconveniências causadas por quebras inesperadas. Para quem depende do veículo para trabalhar, é a forma mais inteligente de nunca ficar à pé.

Existe ainda outras razões para nunca descuidar da manutenção veicular. Motor sempre bem regulado polui menos e também consome menos combustível, principal custo de um carro ou moto. O motor bem regulado sempre conta com alguns componentes em bom estado, como filtros de ar, óleo e combustível, velas e cabos de velas, óleo lubrificante, sonda lambda, catalisador e escapamento.

A atenção aos pneus também ajuda na economia de combustível e consequentemente redução de emissão dos gases poluentes. Para isso, é preciso calibrá-los semanalmente, e ficar atento ao TWI, que indica o desgaste da banda de rodagem.

Check-up gratuito

Para conscientizar os motoristas dos benefícios da manutenção preventiva, um grupo de empresários do setor da reparação automotiva realiza no próximo dia 28, no estacionamento do Telhanorte Zona Norte (Marginal do Tietê ao lado do Magazine Luíza, próximo à ponte da Vila Guilherme), das 9h às 17h, o 2º Pit Stop dos Consultores Automotivos do Jornal Farol Alto.

O Pit Stop é um mutirão de revisão oferecido pelos Consultores Automotivos do Jornal Farol Alto aos motoristas e motociclistas, gratuitamente, no qual são verificados os principais sistemas mecânicos, elétricos e de segurança do veículo, com destaque para teste de emissões de gases (CO2 e HC), amortecedores, escapamento, freios, embreagem, correias, sistema de direção, iluminação interna e externa, pneus, cintos de segurança, estepe, triângulo e macaco, extintor de incêndio etc.. A ação conta com o patrocínio de PersonalCar, Nakata, Dayco, ZF Service, Carbwel e Veroar, além do apoio do Telhanorte e IQA - Instituto da Qualidade Automotiva.

2 Rodas

O check-list de motocicleta conta com a verificação de oito itens entre os quais iluminação, buzina, caixa de direção, óleo da suspensão, freios, alinhamento calibragem de pneus e TWI, vazamentos no motor e relação.

Tartalho comenta que a manutenção preventiva da motocicleta é tão importante quanto dos carros, uma vez que os riscos ao rodar com a moto irregular são maiores. “Dependendo do problema, é queda na certa”, afirma Tartalho ao comentar que espera atender cerca de 40 motociclistas durante o evento. “É preciso que o pessoal se conscientize cada vez mais para a prática da manutenção preventiva”, diz.

Ação Social

Durante o evento, os Consultores Automotivos do Jornal Farol Alto promovem uma ação social de solidariedade, com a doação de 1 Kg de alimento não perecível para cada carro ou moto que realizar o check-up.

A ideia, segundo os consultores, é incentivar a revisão veicular por meio da filantropia. “O dono do carro ou moto só tem a ganhar com a manutenção preventiva, e no caso do nosso evento, além de receber um relatório completo da atual situação do veículo, ainda faz uma boa ação com a doação de alimentos e produtos de higiene para pessoas carentes”, afirmam.

Além disso, os consultores convidam todos os motoristas e motociclistas a doar 2 Kg de alimentos não perecíveis (exceto sal e açúcar) em troca da revisão. “Não é uma obrigação, mas toda colaboração é bem-vinda.”

Fonte:
AleAkashi Comunicação
Alexandre Akashi

Nenhum comentário:

VÍDEOS

Loading...