COMPRE AGORA

domingo, abril 15, 2012

Bruno Senna, 7º no GP da China: "Foi muito divertido!"


 Brasileiro volta a pontuar e sobe para 9º na classificação de pilotos

Com uma corrida bem-planejada, agressiva no início e cautelosa no final em função do desgaste dos pneus, Bruno Senna voltou a pontuar ao conquistar um excelente 7º lugar no GP da China, encerrado com a inédita vitória do alemão Nico Rosberg (Mercedes). Com mais seis pontos, o piloto da Williams chegou aos 14 e subiu para 9º na classificação de pilotos. "Foi muito divertido. Não tive praticamente um momento de tranquilidade, com gente à frente e atrás, mas foi legal pra caramba, apenas um pouco no limite em termos de estratégia", disse.

Bruno saiu em 14º e completou a primeira volta em 12º, depois de superar uma Toro Rosso e a Lotus de Kimi Räikkönen na curva 1. A partir daí, com um jogo zero de pneus médios, passou a imprimir o ritmo forte que já antecipara na véspera, ao relativizar o resultado um pouco abaixo do esperado na sessão classificatória. "Sabíamos que a corrida seria melhor que o qualifying, porque outras equipes têm o DRS mais efetivo que o nosso e isso se manifestou na tomada de tempos", lembrou Bruno, que passou grande parte da corrida no pelotão que brigava pelo segundo lugar.

A partir da primeira troca de pneus, no entanto, as dificuldades aumentaram. "Coloquei os pneus macios e eles acabaram rapidamente. No segundo pit stop, voltamos para os médios e fiquei preocupado porque não sabia se eles resistiriam até o final. E, de fato, eles foram acabando, a ponto determinar a corrida quase no bagaço. E mesmo assim porque na parte final procurei pilotar da forma mais conservadora possível para não acelerar o consumo. O que me ajudou um pouco foi a briga do pessoal que vinha a seguir, principalmente o Maldonado e o Alonso", comentou.

Depois da primeira corrida dentro de um panorama de maior normalidade - o circuito da Austrália é montado dentro das avenidas de um parque e o da Malásia foi castigado pelo tempo chuvoso -, Bruno disse que a Williams está confirmando a expectativa de crescimento nesta temporada. "Foi uma corrida mais normal, mas o equilíbrio do nosso carro não era o ideal. Levar os dois carros à zona de pontos foi animador. Agora, temos de continuar procurando sempre chegar entre os 10, uma das metas traçadas pela equipe", observou, satisfeito com o próprio desempenho. "Estou ganhando muita bagagem, aprendendo e em divertindo bastante."

Sobre a próxima etapa, já no final de semana no Bahrein, pista onde estreou na Fórmula 1 pela minúscula HRT em 2010 e não correu no ano passado, Bruno acredita que a Williams encontrará as mesmas dificuldades de Xangai. "É outro traçado com retas longas, onde o DRS terá peso considerável nos treinos de classificação e, portanto, nas posições de largada. E deverá ter também a influência das temperaturas mais altas, ao contrário daqui na China."

Fonte:
MF2

Nenhum comentário:

VÍDEOS

Loading...