COMPRE AGORA

segunda-feira, maio 14, 2012

Bruno Senna diz que Schumacher "errou o julgamento"


Acidente provoca abandono dos dois pilotos no GP da Espanha

Tranquilo, sem demonstrar preocupação com as críticas de Michael Schumacher depois do acidente que encerrou a participação de ambos no GP da Espanha, Bruno Senna atribuiu ao heptacampeão a responsabilidade pelo choque no fim da reta dos boxes de Barcelona. "Acho que ele julgou mal o meu ponto de freada. Os meus pneus já estavam gastos e ele estava com novos. Vai saber o que passou pela cabeça dele...", afirmou.

O forte choque da Mercedes do alemão contra a traseira da Williams de Bruno aconteceu na abertura da 13ª volta. O brasileiro estava na 18ª colocação e pretendia completar as 66 voltas com três paradas para troca de pneus. A pancada apenas antecipou o pior final de semana de Bruno nesta temporada. "Desta vez, infelizmente, foi tudo muito ruim", resumiu, decepcionado com o desfecho dos treinos classificatórios em que pela primeira vez não conseguiu avançar da primeira fase.

De volta aos boxes, Bruno fez questão de cumprimentar os seus mecânicos e depois foi engrossar pela televisão a torcida pelo companheiro Pastor Maldonado. "O carro está com um ritmo muito bom. Espero que em Mônaco eu também consiga andar tão bem quanto o Pastor aqui em Barcelona", comentou. Bruno elogiou o trabalho da Williams no desenvolvimento do FW34. "Não fizemos nenhuma mudança muito grande, mas várias pequenas coisinhas na aerodinâmica que resultaram em toda essa melhora", concluiu.

MF2 - Serviços Jornalísticos Ltda.

Nenhum comentário:

VÍDEOS

Loading...